Net Zero Água: o que significa?

Você já ouviu falar nos termos Net Zero Água e Net Zero Energia?

Chamados de Net Zero, os edifícios inteligentes e eficientes são autossustentáveis hídrica e energeticamente. O que parecia coisa do futuro, já é realidade em muitas construções no presente.

NET ZERO ÁGUA

Para ser considerado Net Zero Água, um empreendimento deve atender a 2 critérios:

– Não utilizar fontes convencionais de água, não dependendo da concessionária para fornecer água potável ao edifício;

– Tratar o esgoto gerado pelo edifício no mesmo local, sem que nada saia de suas dependências.

O primeiro passo para um edifício tornar-se Net Zero Água, é a busca por uma fonte alternativa de água. Ela pode vir da captação da água da chuva, por exemplo, ou da extração de um poço autorizado.

Já para o tratamento do esgoto gerado, pode-se optar por uma estação interna de tratamento, ou através de um sistema que vem se popularizando, os Wetlands construídos.

Os Wetlands são tanques de aproximadamente 1 metro de profundidade, impermeabilizados com materiais geossintéticos, com uma rede hidráulica e um meio filtrante.

Eles são integrados ao local com um trabalho de paisagismo, e ao tratar o esgoto produzem água em condições de reuso, para irrigação de jardins ou lavagem de áreas comuns.

EUROBUSINESS É DESTAQUE EM MATÉRIA DO SITE GREEN BUILDING COUNCIL BRASIL

O Edifício Eurobusiness, da Construtora Engemática, é destaque em matéria do Green Building Council Brasil como exemplo de grandes empreendimentos Net Zero Água.

O edifício Eurobusiness é um empreendimento que consome 60% menos energia e 100% menos água, se comparado ao que um edifício comum de mesmo porte gastaria.

Com 83 pontos na certificação LEED, o Eurobusiness é o primeiro empreendimento do sul do Brasil a garantir a categoria Platinum.

Acompanhe a matéria completa aqui: http://blog.gbcbrasil.org.br/?tag=net-zero-agua

Saiba mais sobre o Eurobusiness aqui: http://www.eurobusiness.eco.br/