A Terra já esgotou seus recursos renováveis em 2018

A Terra já esgotou seus recursos renováveis em 2018

Os recursos renováveis que deveriam sustentar a humanidade no ano de 2018 inteiro já se esgotaram no mês de agosto. Explicamos como isso aconteceu e como as pessoas podem pagar suas dívidas com a natureza.

 

Água, árvores, solo fértil, peixes e orgânicos são alguns dos principais recursos renováveis que teremos que “devolver” à natureza até o fim do ano de 2018. Caso contrário, estaremos endividados por muito tempo. É o que diz a organização de pesquisa Global Footprint Network, que está tentando mudar a forma como as pessoas respondem às mudanças climáticas. Segundo ela, todos os recursos naturais que a Terra poderia oferecer para consumo de todo o ano de 2018 já se esgotaram no primeiro dia do mês de agosto.

A organização calcula o déficit de recursos renováveis de cada país por meio da comparação do gasto humano versos o que é “produzido” pela natureza. Por exemplo, o número de pessoas em cada região e o que é devolvido ao meio ambiente (árvores plantadas, níveis de carbono reduzidos, entre outros).

Como os recursos da Terra se esgotaram?

A Global Footprint Network afirma que a humanidade emitiu quantidades muito maiores de dióxido de carbono do que as florestas poderiam absorver e converter em gás oxigênio. Além disso, o esgotamento de recursos se acelerou por conta do consumo excessivo e do desperdício de comida – um terço dos alimentos consumidos acaba na lata de lixo, enquanto um terço da população mundial ainda passa fome.

Entre os países que estão com a maior dívida ambiental do mundo, estão os Estados Unidos, China, Índia, França, Alemanha, África do Sul e Reino Unido. O Brasil, Canadá e Finlândia são os países onde a dívida com a natureza é menor, mas isso não os livra da responsabilidade de reverter o cenário até o fim do ano.

Como reabastecer recursos renováveis? 

Os recursos renováveis levam este nome pois podem ser reutilizados ou “recriados” a partir da ação humana. A reciclagem de materiais já utilizados, por exemplo, é uma forma de tornar o papel, madeira ou couro (entre outros) utilizáveis em outras ocasiões. São materiais extraídos do meio ambiente que o ser humano devolve à natureza através de outros processos.

A reciclagem e reutilização de recursos naturais como a água, oxigênio, energia solar ou elétrica é uma excelente maneira de reduzir o impacto do consumo humano no meio ambiente.

Painéis solares, por exemplo, transformam a energia solar em energia elétrica. A energia solar é considerada “limpa”, pois não afetam o ecossistema da mesma maneira que geradores comuns à base de petróleo ou produtos químicos, por exemplo. Apesar de ainda precisarem de solventes para a conversão, o nível do impacto na natureza em comparação com meios tradicionais é pequeno.

Lembre-se: ao consumir qualquer produto da natureza, reflita maneiras de como devolvê-la ao meio ambiente; seja por meio da reciclagem, do plantio ou incluindo soluções mais sustentáveis nos lugares onde frequenta.

 

Gostou do artigo? Confira mais notícias e curiosidades em nosso blog e fique por dentro de todas as novidades.

O empreendimento imobiliário EUROBUSINESS está localizado no Ecoville, Curitiba. É o primeiro do Sul do Brasil a contar com selo platina e alta pontuação na certificação LEED. Nossas unidades contam com tecnologias inovadoras que reduzem impactos ambientais e proporcionam uma excelente qualidade de vida aos moradores.

Confira todas as nossas plantas disponíveis pelo site ou entre em contato com nossos profissionais pelo telefone (41) 3373-9541.

Fontes/referências:
https://g1.globo.com/natureza/noticia/2018/07/30/humanidade-esgotara-os-recursos-
renovaveis-de-2018-em-1o-de-agosto-diz-ong.ghtml 


https://www.terra.com.br/noticias/ciencia/sustentabilidade/humanidade-tera-esgotado-
os-recursos-renovaveis-de-2018-no-dia-1-de-agosto-diz-
ong,de7e453387ec10174ceda24d205098521f7u84he.html